Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

O mundo é uma ervilha. E alguns sanitários também...

18.01.16publicado por Gato Pardo

Tomei a consciência este fim de semana que passou de que cresci.

Não foi pelo facto de ter comparecido a mais uma festa infantil nestes novos espaços criados para o efeito. Nem foi sequer o facto de perceber que estou demasiado grande para brincar nos insufláveis ou ter a noção de que não tive direito a pipocas e batatas fritas.

Foi sentir-me discriminado. Eu e todos os adultos que lá estavam, porra!

Então não é que me deu o aperto na tripa e quando cheguei à casa de banho...era tudo mini???

Ok, vamos fazer uma pequena reflexão.

Gato Pardo. Felino para 72kg, 1,75cm. Corpo com medidas anatomicamente correctas.

Casa de banho do estaminé. 6 urinóis tamanho Playmobil e 3 sanitas mais pequenas que a probabilidade dos mexicanos votarem Donald Trump nas presidenciais americanas. What da f*ck???

Posso apenas dizer que tive de adoptar certas posições (bendito sejas, kamasutra) para as quais o corpo humano não foi concebido em espaços de tal forma reduzidos. Já não falando na pontaria. É que vejamos, no conforto do nosso lar ou em qualquer outra divisão de alívio criada para utilização de adultos, estamos à vontade. A probabilidade da coisa correr mal implica 3 dias de feijoada, 2 de grão e um fim de semana de outras leguminosas esquisitas. Aí sim, pode-se dar a ocorrência do chamado efeito granada artesanal. Ali? Meus caros, até um sniper tinha dificuldades em acertar no alvo sem causar danos colaterais. Não sou sniper, mas lá me consegui safar.

Indignado, fui falar com a gerente do espaço.

- Ouça lá, vocês têm a noção que as vossas casas de banho não foram concebidas para adultos?

- Sim, é verdade. Mas verdade seja dita, o nosso espaço é um espaço infantil. Logo, sanitários infantis...

- Ah, estou a ver... Bem, nesse caso a criança que existe em mim deixou-lhe um presente lá dentro (não era verdade, mas estava lixado da vida). Espaço infantil, certo? Logo, presentes têm toda a lógica...

Meus caros, uma recomendação. Se comparecerem em festas infantis, certifiquem-se de dois factores. Ou vão aliviados ou que os sanitários são adequados ao vosso tamanho. A criança que existe em mim viu-se à rasca.